Shiki 10


É, bom, não vai ter review de Shiki 9… eu não consigo resistir à tentação de dormir em feriados *foge* E é uma longa história e talz, mas de agora em diante eu vou me esforçar pra fazer as reviews na quinta ~

Por falar nisso, tem outra surpresa pra vocês ~ ela tava sendo preparada faz meses, mas agora só falta um ou dois meses pra ela ficar pronta, então eu vou ser feliz e fazer vocês ficarem curiosos por meses e meses ~

Bom, essa review não vai ter prints porque, bom, eu vou precisar sair daqui a pouco,então nem vai dar tempo de fazer as prints. Duvido que eu vá colocar elas depois, mas mesmo se eu fosse colocar eu só ia conseguir fazer isso na terça, então, bom, vocês vão ter que ficar sem prints mesmo.

… e a review também não tem bônus ~ eu devia ter começado ela mais cedo, cof. O bônus, bom, eu não tenho muita certeza se vou mesmo fazer ele, mas se eu fizer vai ser um post separado, então não precisam voltar pra essa review toda hora pra ver se eu coloquei o bônus.

É isso ~ vamos à review ~

Bom, esse epi é meio difícil de fazer review / entender, porque ele não é nada cronológico, então eu vou usar cores diferentes pra cada dia ~ Legenda, legenda:
1 de Outubro (o que aconteceu na casa do Yuuki com a menina macabra)
2 de Outubro (Yuuki se prepara pra ser atacado)
3 de Outubro (um dia antes do ataque à clínica)
4 de Outubro (ataque à clínica – meu roxo amado vai pro dia no qual aparece meu personagem mais amado ~)

O epi de hoje (anteontem, mas ok) começa com a Megumi correndo pro Yuuki, e nós descobrimos que, mesmo se ela se cortar (sendo que sai sangue dos cortes dela, mas pode ser só porque ela acabou de beber o da velha lá), os cortes se fecham praticamente na hora. A gente vê que o nosso epi se chama Décimo Luto, o que não faz sentido, porque não tiveram 9 lutos, mas eu já falei disso em outra review.

A cena volta no tempo e muda pra casa do Yuuki, ou melhor, o quarto dele, no qual a mãe entra pra dar chá pra garotinha macabra que apareceu no epi 8. A mãe nota que as luzes tão apagadas, o que faz a menina ficar mais macabra ainda, e vai acender, ao que a menina diz (ou melhor, grita) que tá bem assim, ou seja, até a mãe já percebeu o quanto a menina é desagradavelmente macabra (e mal educada, mas ok).

Aí a gente vai pra nossa amada Yamainu Yamairi-com-luzes-de-palco, dois dias depois,  onde uma pá de okiagaris (incluindo a menina macabra) se reune pra discutir planos maléficos para acabar com a vila (?). O cara de cabelo azul feliz (que tem bem mais músculos do que parecia) diz que hospitalizaram a velha lá (que se chama Setsuko), e que pelo jeito o médico feliz lá tinha percebido a existência dos okiagari. Os okiagari comentam que deve ser porque ele é um médico, e o cara de cabelo azul diz que os Kirishikis (a família feliz que mora na Yamairi) mandaram os okiagari se virarem. O cara de cabelo azul diz que todo mundo vai atacar a clínica, e a música para do nada por motivos desconhecidos.

Voltando à casa do Yuuki (e no tempo), o Yuuki volta pra casa e a mãe dele diz que ele tem visita e que é uma menina bizarra aí. Yuuki pergunta onde a menina tá, e falam que ela tá no quarto dele. O Yuuki vai pro quarto, descobre que não tem ninguém e percebe que a menina fugiu pela janela. Ele finalmente percebe que era uma okiagari, pergunta como a menina era, os pais dizem que ela ia voltar com o irmão dela e Yuuki se desespera em silêncio. Ele pergunta se deixaram, dizem que sim e percebem que fizeram algo totalmente errado, mas não entendem o motivo. Yuuki percebe que vai morrer e não fala mais nada.

A cena volta de novo pra Yamairi, e o cara de cabelo azul dá as instruções felizes e pergunta pra menina macabra como tá o outro plano. Ela responde que aposta que essa vai ser a última noite do Yuuki, e Megumi fica brava e fala pra deixarem ele em paz. O cara de cabelo azul fala que nem dá, e a filha da Setsuko diz que tá de boa, porque ele pode virar okiagari que nem todo mundo lá. Megumi continua brava e fala que o filho e o marido da filha da Setsuko não viraram okiagari, só apodreceram. A mulher começa a chorar e diz que só tava tentando consolar a Megumi, enquanto a boneca da menina macabra faz “pat pat pat” na cabeça dela. Legal que eu só percebi isso na segunda vez que assisti a cena, mas ok. O cara de cabelo azul diz que tem poucos okiagari (se forem todos os daquela cena + a família feliz, são 12), então não dá pra eles serem descobertos ainda. A Megumi pede pra matar o Yuuki, mas o cara de cabelo azul fala pra ela ficar quieta e seguir as ordens dele, ou ela vai ser a primeira okiagari da cidade a ser expulsa.

A gente volta um dia no tempo, onde os pais do Yuuki falam sobre a cadeira que o pai fez, pra deixar o Yuuki ficar confortável enquanto estuda pro vestibular. O pai vai dar a cadeira pro Yuuki, mas vê que o quarto dele tá cheio de cruzes eeee esqueci o nome daqueles papéis malandros. O pai fica bravo, e eu também ficaria, porque colocar cruzes e talz pra se proteger contra supostos vampiros mas não colocar nem um dente de alho é ridículo.

A cena volta pro dia 4 de Outubro, mas não mostra nada que a gente já não tenha visto, e aí vai pro dia 1, e pelo jeito o Yuuki, assim que descobriu que uma okiagari ia atacar ele, ligou pro resto do trio trilegal e perguntou se alguém tinha tentado entrar na casa deles. Ooo Akira, acho que era esse o nome, diz que não, e o Yuuki fala pra não deixarem ninguém entrar até tudo acabar.

Dois dias antes, o Yuuki pergunta pro pai o que aconteceu com as cruzes e amuletos do quarto dele, e o pai fica bravo e diz que jogou fora e que era pro Yuuki parar com essas coisas, porque ele odeia coisas como religião e supertições (“eu odeio o oculto!”). Yuuki fala que não vai mais fazer isso, ou seja, ou ele vai fazer escondido ou ele é um idiota.

A cena volta pro dia que foi mostrado no último epi, com os okiagari deixando a Setsuko morrer, e a gente descobre que a Megumi tinha se separado de todo mundo bem nessa hora (eu achei que ela tinha feito isso no caminho, mas deve ser mais prático se separar de um grupo assim que ele começar a andar).

Um dia antes (eu juro que não aguento mais essa mudança de tempo), o Yuuki tá esperando pelos okiagari com uma, umaa, eu esqueci o nome ~ mas é algo pesado e de metal. Ele se pergunta se o okiagari “irmão” da menina macabra vai ser o cara que tinha atacado aaa Kaori (era Kaori, né?). O tempo passa e agora é dia 4, ou seja, o ataque à clínia aconteceu de madrugada, e é agora que as coisas vão começar a acontecer. Yuuki ouve alguém batendo na janela, e sabe que é um okiagari, então nem abre ela.

A gente vê a Megumi correndo e pensando que não se importa mais com a punição que vão dar pra ela, porque ela não vai deixar mais ninguém matar o Yuuki. Ela vê algo estranho, mas a cena muda antes da gente descobrir o que era, e o Yuuki tá ouvindo o okiagari tentar entrar pela janela, desistir, dar a volta da casa e abrir a porta. Yuuki tinha certeza de que tinha trancado aquela porta, porque ele não é tão idiota assim, e percebe que o pai devia ter destrancado ela.

Aí a gente vai pra um flashback, e eu não aguento mais ter o Yuuki como main, mas tudo bem. Ele lembra que o pai, ao chegar na vila, disse que era uma vila tão feliz que ninguém trancava a porta, mesmo de noite, porque não tinha ladrões (também, ia roubar o que, arroz?), e que então o Yuuki não podia trancar a porta. Yuuki pensa que os pais dele sempre foram assim, e muda de flashback. Ele lembra que nasceu enquanto os pais ainda tavam na faculdade, mas que os pais não acreditavam em casamento e talz, então nunca se casaram. Por isso que, na certidão de nascimento dele, ele tá com o sobrenome da mãe dele, Koide, ao invés do do pai, Yuuki. Ele diz que os pais dele nunca agiam de acordo com as regras e achavam que eles que tavam certos. Aí ele explica que os pais mudaram pra vila de Shiki porque eles achavam que ia ser bom pra eles (ou seja, nem pensaram no Yuuki). Yuuki diz que definitivamente vai sair da vila, conseguindo ir pra uma faculdade em outro lugar, e que então não podia morrer agora.

Aí tem um barulho estranho e o okiagari tá fora da casa, e volta pra janela. Ele bate e, aí, fala “Natsuno”. A gente nem precisa perceber que essa é a voz do amigo feliz do Yuuki pra lembrar que o Yuuki odiava quando as pessoas chamavam ele pelo nome, ou seja, só alguém realmente próximo chamava ele de Natsuno. Yuuki fica chocado, deixa cair as armas dele e vai ser idiota e abrir a janela. O amigo dele puxa o braço do Yuuki enquanto esconde o rosto, mas o Yuuki consegue se livrar dele e voltar pro quarto, e consegue ver o rosto do amigo. O amigo foge, porque ele é fraco e não queria que o Yuuki soubesse que era ele mesmo depois de ter falado com a própria voz que era ele.

A Megumi, ainda andando pela floresta, encontra o lobo mau amigo do Yuuki chorando, e resolve ser awesomemente dumal. Ela diz que já desconfiava que ia ser o amigo do Yuuki, porque o cara de cabelo azul é um sádico, e o amigo responde que, se não matasse o Yuuki, o cara de cabelo azul ia matar os irmãos do amigo feliz (não tão feliz agora, mas ok). A Megumi diz que, então, a família dele era mais importante do que o Yuuki, mas o amigo diz que, mesmo se ele se recusasse, outra pessoa ia matar o Yuuki. Megumi pergunta por que ele tá fazendo fotossíntese ao invés de ir matar o Yuuki, e diz que ela vai matar o Yuuki sozinha. O amigo diz que ela vai se dar mal se fizer isso sem permissão, mas ela vai lá fazer mesmo assim.

O Yuuki fica sendo idiota e até sai de casa pra procurar o amigo, se recusando a admitir que ele morreu. Ele comenta que todas as memórias dele naquela vila têm o amigo no meio, e vira pra uma fonte feliz que o amigo disse que deixava a pessoa mais inteligente. Ele lembra do que lembrava da fonte (cof), pensa que todo mundo gostava do amigo dele e talz, e a gente vê a Megumi sendo stalker de novo.

A Megumi finalmente decide ir matar o Yuuki, mas para no meio, porque o cara de cabelo azul foi falar com o Yuuki. Eles se apresentam e o cara diz que o Yuuki era um problema e blá e vai matar ele. Yuuki diz que vai sair correndo, mas o cara de cabelo azul chama a Megumi, e os dois vão atacar o Yuuki. Ele se vê totalmente sem saída, QUANDO DE REPENTE o amigo aparece de novo, ataca o Yuuki, morde ele e é o fim da vida dele, e do epi também.

Impressões

Essa coisa toda de mudar o dia foi… confusa demais. Eu nunca presto atenção em dia/lugar e talz, então na primeira vez que eu assisti eu nem entendi nada direito, o que é ruim, já que não dá pra você reassistir nada na tv, e Shiki passa na tv (duh). Então, então, bom, é um ponto fraco. Outro ponto fraco é o mesmo de sempre… o Yuuki é um personagem chato demais pra ser main. O amigo do Yuuki foi totalmente fraco, os pais do Yuuki são idiotas e os únicos personagens que salvam Shiki são o monge, o médico, a Megumi e o cara de cabelo azul (aaaa garota lá que só fala com o monge poderia salvar Shiki, mas ela quase não aparece, então nem).

O epi em si foi meio… dava pra ele ter sido resumido em 10 minutos, e a coisa toda da aranha guardiã e da fonte e blá foi tão inútil que eu nem coloquei na review. Foi legal ver toda a determinação da Megumi de “se ele tem que morrer, é melhor eu matar ele do que ver alguma pessoa random matando”, e todas as estratégias e coisas geniais do cara de cabelo azul, que no começo parecia só ser um empregado feliz que faz as coisas que precisam de força.

Bom, eu não gostei do epi, mas eu gostei do epi, então no fim a minha opinião ficou neutra (?). E, bom, é isso ~

11 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Jessy
    set 13, 2010 @ 10:29:31

    Não li o post, mas vou comentar só pq eu sou feliz :D
    e também pq eu quero mesmo mesmo logo essa surpresa, você disse que ela não ia demorar tanto tempo assim, eu quero ela logo e e e e eah isso! -q

    Responder

    • Saah
      set 13, 2010 @ 19:46:07

      … nossa, valeu, nem leu o post que eu fiz com muito esmero,na rua dos bobos número zero ;;
      … e, euri… nossa, euri tanto… você sabe a surpresa euri

      Responder

  2. Jessy
    set 14, 2010 @ 10:27:29

    é que eu não vi o epi, daí eu não posso ler /euri
    e e e agora a jessy sabe que sabe da surpresa então… /euri

    Responder

  3. Nougran
    set 17, 2010 @ 16:46:19

    finalmente assisti shiki 10 …!
    É verdade trocou muitas vezes de dias … poderia não ter acontecido tanto assim …mas deu pra entender no fim …
    Gosto do Yuuki… do amigo dele e dos pais dele …! mas não gosto da Megumi …
    Gostei um da história da aranha … e por tudo acontecer lá no final …! e bem feito pra Megumi … rs…lol
    Eu realmente quero assistir o proximo episódio … estou gostando …! =)

    Responder

    • Saah
      set 17, 2010 @ 19:51:30

      Ahah, eu nunca presto atenção no lugar / dia, aí realmente não entendi nada de primeira euri

      Cara, como você consegue gostar do Yuuki? Ele só reclama “1 e como você consegue não gostar da Megumi? Ela é awesome ;;
      eu não sinto nada em relação ao amigo e aos pais do Yuuki, cof.

      Eu tenho tanto medo de aranhas que tive que olhar pra mesa quando falaram daquela ;;

      Eu também quero assistir o próximo epi ;; mas pelo jeito eu só vou conseguir tipo terça, então nem vou fazer review dele, vai ter atrasado demais “1

      Responder

  4. Nougran
    set 17, 2010 @ 22:37:10

    Rs … foi bem confuso mesmo …! pra confesar eu tive que pausar o video pra ficar vendo os dias e tal …! mas no finalzinho deu pra captar … ^^’

    Aa … pensa se você estivesse numa vila como aquela … com velhos fofoqueiros e tudo mais …haha …(bomdevogostardeleporquetambemreclamo lol …hum oque?!)
    Bom … a Megumi e muito fisurada no Yuuki … egostita … eu tambem não gosto de rosa …enfim …

    Aracnofobia … bom … pensa que pelo menos elas comem insetos xaropes … =D

    Tranquilo … fique a vontade … mas o proximo tem que ter em …rs… lol

    Responder

    • Saah
      set 18, 2010 @ 09:50:39

      … agora que você falou, eu realmente não ia ficar nada feliz com uma vila assim… MAAS tinha bastante gente da idade do Yuuki, e ele já sabia que ia levar anos pra poder sair da vila, então deveria ter se acostumado. Ficar reclamando “uuh, não gosto dessa vila, uuh ;;” não adianta nada “1
      é exatamente porque ela ama o Yuuki que eu amo ela ;; e todo mundo é egoísta, cof. E coitada, a culpa não é dela se ela nasceu com cabelo rosa /sei

      yup, yup, eu faço review do próximo, e vou ficar a semana inteira pensando em um bônus totalmente awesome pra me desculpar u_u

      Responder

  5. aline
    set 20, 2010 @ 02:15:20

    Bom ponto de vista notado, pois compartilho de sua opinião quanto a inexpressividade de um dos personagens centrais (Natsuno) é de fato que quem alavanca e dá um plus no anime sejam os próprios antagonistas, talvez esteja aí a receita desse anime ser tão interessante e cool de ver!

    Responder

  6. S. Tuguert
    out 15, 2010 @ 23:15:28

    hahaha, cá estou eu novamente na mesma feliz noite, (acho muito engraçado os posts com vc falando que tal personagem feliz é amigo do fulano, tal personagem, que nunca tem nome só o feliz, é filho do sei lá quem, por que também não tem nome, mas sempre tem o feliz). Nossa que parênteses grande… Bem, mas voltando ao meu segundo comentário na mesma noite, (é por que estou lendo todos os posts, hehehe) eu gosto do Natsuno Koede Yuuki, hehehe. É que acompanhando o mangá dá para pegar detalhes que ficam no vácuo no anime, por exemplo: ele não se apega (me refiro a amizades ou paqueras, que é o caso da Megumi) a ninguém, com a única exceção do Tohru-chan, por que ele não quer aceitar viver na vila, e dessa forma ele evita todo mundo, o que é simplesmente uma atitude de rebeldia de um adolescente normal…
    E ainda sobre o mangá, este é dividido entre os dois personagens principais, que mais para frente… Abafa o spoilers, é dividido entre o doutor feliz e o Yuuki, mais pra frente aparece um capítulo sobre a Sunako, o que me sugere que haverá 3 divisões e não mais duas divisões entre os cap. O que significa que o Yuki não é o único personagem central, na verdade são ele e o doutor.
    hehehe, era as minhas observações, já que eu gosto do Yuuki mesmo ele sendo um mala!

    Responder

    • Saa
      out 16, 2010 @ 09:55:28

      (eudumintendhiuquiêlifalô)
      o epi 12 mudou muita coisa ~ eu achei tão fofo o yuuki ser feliz com o amigo-feliz-tohru dele que eu comecei a gostar mais do yuuki ~ eu ainda não gosto, mas já não odeio ~
      … e a OP mostrou mais a Sunako, então deu pra ver que ela ia virar main ~ mas o médico feliz nem tá mais aparecendo direito, uuh ;; o que dá raiva é que eu queria mais epis tipo house, mas… nah ;;
      … bem que podiam fazer um anime tipo house…
      e ah, sei lá, eu acho idiota ele ficar evitando todo mundo só porque não quer viver lá… ele ainda ia ficar lá por vários anos, deveria se acostumar logo. mas tudo bem, eu não odeio mais ele ~

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: