Natsume Yuujinchou


Ok, então por que não falamos de um dos animes que são ‘simples’ (se olharmos por um lado…) mas que realmente, são lindos? Então, vamos falar de Natsume Yuujinchou (e já já vem o epi 10 de Angel Beats!…)


Bom, vou organizar melhor aqui os dados do anime ~

Nome: Natsume Yuujinchou
Número de episódios: 13
Ano em que estreou e que terminou: 2008
Gênero: Supernatural, Slice of life, drama
Nota: 9/10

… Nota alta, não? Sim, eu realmente AMEI esse anime. Eu estava enrolando bastante para vê-lo, mas me arrependi de ter enrolado… Já estou baixando até mesmo a segunda temporada, pra ver se tem mais Reiko-sama pra mim (<3). Não sei nem por onde começar… Hum… Ok, música! A sinopse, colocarei na parte da história.

Música

Confesso que não liguei muito pra OP e muito menos pra ED na primeira vez que vi. Mas, depois de ter deixado a OP e a ED passando, eu acabei… viciando nas duas. Claro, eu já conhecia o cantor da OP (Kita Shuuhei, Persona, alguém? Persona trinity soul…) Bom, mas depois de algum tempo, deu pra notar como a OP e a ED combinam com o anime. Ambas têm um ar calmo e simples.
BGM… Já… Infelizmente, não vi nada demais, não que seja ruim, só não foi algo tão impressionante como de Yozakura Quartet, Baccano! ou Durarara!!

Animação

Não tem efeitos impressionantes ou colorização impressionante ou seja lá o que for de impressionante. Sinceramente, isso não importa. O traço é simples. Pra falar a verdade, não é nem um anime que precisa de algo tão impressionante assim, acho que isso até conseguiria estragar. Então, já está ótimo :3
Nota: Traço lembrou o traço de Persona ou fui só eu que achei isso?

Natsume Takashi e Nyanko-sensei :3


História & Personagens

A história é sobre Natsume Takashi, um  garoto que consegue ver Youkais, mas mantem isso em segredo. Ele herda um livro de sua falecida vó, Natsume Reiko, que se chama “Natsume Yuujinchou” (O Livro dos Amigos de Natsume) onde contêm os nomes dos Youkais que sua vó conheceu e fez um contrato, duelando com eles. Com isso, ele decide libertar os Youkais que querem ter seu nome de volta e serem libertados do livro, e com isso ele conta com a ajuda de Nyanko-sensei/Madara, um Youkai disfarçado de gato que fez uma promessa com Takashi onde ele teria o livro em suas mãos quando o mesmo morresse.

Eu confesso que esse tipo de história me atrai. Não um slice of life tipo K-On, que eu só assisto pra me distrair, mas sim um slice of life tipo Natsume Yuujinchou, onde sempre tem histórias diferentes nos episódios. Eu gosto bastante disso, e Natsume Yuujinchou não me decepcionou.

A história tem seus momentos comediantes (mesmo que, confessando que eu não ri na maioria…) e também dramáticos. O que eu mais acho interessante é o desenvolvimento de cada história nos episódios, e tem algumas que são realmente emocionantes (me deu uma vontade enorme de chorar com a Tsubame…).

Personagens são muito bem desenvolvidos. Principalmente o principal, Natsume Takashi, que foi incrívelmente desenvolvido e eu adorei isso. Eu normalmente não gosto de principais, não sei explicar o porquê, acho que é porque a maioria é tão… clichê e irritante, mas o Takashi realmente se desenvolve. O Madara eu não tenho nada contra, não gosto nem desgosto, mas ele também é bem trabalhado.

Aí foi o único problema que encontrei, mas pelo jeito deve ser consertado na segunda temporada: A Reiko, não sabemos tanto assim dela… Tá, eu sei que isso é só porque eu sou fãzinha dela e etc, mas eu achei que ela deveria ter tido um tanto mais de desenvolvimento na história dela, mesmo ela estado morta… Só que ela SEMPRE é mencionada, não tem como mentir isso.

Conclusões

Natsume Yuujinchou é um anime pequeno, simples, mas emocionante e cativante. Não é o tipo de anime em que sempre tem luta em todo epi e blá. Não é o tipo de anime que tem romance. Não é o tipo de anime que tem efeitos fantásticos. Não é o tipo de anime que tem ecchis, fanservices pra caramba só pra atrair pervertidos. Mas sim o tipo de anime que não precisa de nenhuma dessas coisas para ser bom (tirando o último item, não considero isso como algo pra deixar um anime bom), que consegue trabalhar (e muito bem, por sinal) com as personagens colocadas na história. Enfim, não sei se muitos gostariam, mas é o tipo perfeito pra mim. E tive certeza disso quando terminei.

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Kherryna
    set 17, 2010 @ 19:13:24

    Você tem toda a razão! Natsume foi o melhor anime que já ví até hoje!TRiste tbm foi a morte do Deus da Chuva… poxa ele era tão legal. Madara é lindo! Bichão fofo além da conta. Até sua forma de Nyanko é kawaii. O jovem Natsume Takashi tbm é um garoto super gira. E não precisou de cliches e nada do gÊnenero pra ser perfeito…. infelizmente não é esse o tipo de história que atrai o povo…T.T
    Mas valeu cada segundo presa na frente da telinha!!!!!!

    Responder

    • Yuu
      set 27, 2010 @ 15:09:53

      Sim, foi triste i–i E fato isso… ele não precisou de clichê nem nada… ele é um dos poucos protagonistas que não te irrita de tanto ser clichê.
      E é triste como não é o tipo de história que atrai o povo .. ._. É simples, mas ainda assim é muito bom. Eu, particularmente, prefiro animes assim do que muitos que tem por aí que prometem mil coisas e cumprem apenas uma.

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: